Vivendo do Mar – Durvile Cavalcanti no MIS

A série Vivendo do Mar, de Durvile
Cavalcanti, será exibida a partir do dia 11 de junho na terceira mostra do projeto Nova Fotografia 2015.

A mostra retrata a costa brasileira e seus pequenos vilarejos de pescadores, evidenciando o cenário da prática artesanal da pesca que, cada vez mais, vem se tornando rara por conta da pesca industrial e degradação ambiental.

As fotografias trazem a oportunidade de um respiro, uma quebra do mundo tecnológico que estamos imersos. Um silêncio que pequenos redutos de pescadores ainda guardam junto de uma cultura imemorial, apenas percebendo os lugares e nos sensibilizando com eles.

Durvile Cavalcanti nasceu no Amapá e é formado em arquitetura e design gráfico pela Belas Artes de São Paulo e é um fotógrafo autoditada. Já expôs trabalhos em diversas galerias, conquistando prêmios como o da Mostra de Arte no British Council (SP).

O festival Nova Fotografia é um projeto anual do MIS criado em 2011. Busca criar um espaço permanente para exposição de fotografias de artistas promissores que se distinguem pela qualidade e inovação do seu trabalho. A cada ano, seis séries de imagens são escolhidas por meio de convocatória e expostas no Museu.

HORÁRIOS e LOCALvivendo-do-mar-2-de-durvile-cavalcanti

12/06 a 26/06/15 – entrada gratúita
TERÇAS a SÁBADOS das 12h às 20h
DOMINGOS e FERIADOS das 11h às 19h
Classificação: livre
Espaço Nicho
MIS – Av. Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo – (11) 55 2117-4777

Maio Fotografia no MIS

banner_maio

Em sua 4ª edição, a Maio Fotografia ocupa pelo 4º ano consecutivo todos os espaços no MIS (Museu da Imagem e do Som) com uma programação mensal que engloba quatro exposições principais, além de duas mostras e uma instalação interativa relacionados ao mundo da fotografia.

A ideia que permeia a curadoria geral da edição deste ano é a seguinte: “Se a linguagem fotográfica está cada vez mais aberta a novos olhares, a partir dos mais variados tipos de dispositivos − que vão de câmeras profissionais com lentes especiais a celulares com suas imagens em baixa resolução −, e percorre temas igualmente diversificados, é bastante apropriado que este mês voltado a sua exibição, discussão e reflexão abra ao público um leque de possibilidades de fruição“. Fonte: http://www.mis-sp.org.br/icox/icox.php?mdl=mis&op=programacao_interna&id_event=1849

Apresentam-se nesta edição as exposições: O mundo revelado de Vivian Maier (curadoria de Anne Morin); Lambe-lambe: os fotógrafos de rua na São Paulo dos anos 70, elaborada a partir do acervo do MIS (curadoria de Isabella Lenzi); Perto do rio tenho sete anos, do fotógrafo baiano André Gardenberg (curadoria de Diógenes Moura, Rastros 1 (Traces1) do holandês brasileiro radicado em Paris Roberto Frankenberg, entre outras.

Complementa a programação o IV Encontro Pensamento e Reflexão na Fotografia, que visa estreitar os distintos campos de atuação do fazer fotográfico e promover cada vez mais o entendimento sobre a fotografia inserida em debates de conteúdo informativo e reflexivo. O evento acontece entre os dias 28 e 31 de maio, com uma programação composta por sessões de discussão, entrevistas e relatos autorais, além de workshops e apresentações de artigos inscritos por meio de convocatória.

HORÁRIOS e LOCAL

21/04 a 14/06/15 – R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia)
TERÇAS a SÁBADOS das 12h às 20h
DOMINGOS e FERIADOS das 11h às 19h
Classificação: livre
Espaços variados
MIS – Av. Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo – (11) 55 2117-4777

Waking Up in News America – Robert Heinecken no MIS

Acontece no MIS de 4 de março à 12 de abril a instalação que estava fora do alcance do público há quase vinte anos, Waking Up in News America, do artista norte americano Robert Heinecken (1931-2006). O artista é mundialmente reconhecido por seu trabalho experimental e inovador. Concebida em 1986 sua obra ainda hoje levanta questionamentos sobre os efeitos dos meios de comunicação de massa, principalmente a televisão.

A instalação é uma sala sugestivamente doméstica, em que todas as superfícies – teto, parede, piso e todos os objetos – são cobertos por imagens captadas pela TV. Os visitantes tem a oportunidade de circular livremente pelo espaço experimentando a imersão pelo mundo saturado de imagens.

Heinecken foi pioneiro em explorar a saturação de imagens que somos submetidos diariamente. Diferente das tecnologias de hoje, o artista capturou imagens de forma artesanal, pressionando papel fotográfico na tela da televisão ligando e desligando o aparelho seguidamente. As imagens formadas embaçadas fazem alusão ao dadaísmo, permitindo que o material encontre por si só sua forma final.

RH_WakingUp_View2_WEB

HORÁRIOS e LOCAL

04/03/15 a 12/04/15 – Entrada gratuita
TERÇAS a SEXTAS das 12h às 21h
SÁBADOS das 10h às 21h
DOMINGOS e FERIADOS das 11h às 20h

Espaço Expositivo Térreo

MIS – Av. Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo – (11) 55 2117-4777

Leia mais sobre o artista e a exposição em: http://tinyurl.com/pnaf3gq

Saguão do Castelo Rá-Tim-Bum reabre ao público no MIS

exposicao-castelo-ra-tim-bum-07152014-77-original

Entre os dias 12 de fevereiro e 5 de abril, o MIS (Museu da Imagem e do Som) reabre ao público o Saguão do Castelo Rá-Tim-Bum, ambiente que recriou o quarto do Nino e a árvore da Cobra Celeste.

A exposição, que aconteceu no museu em comemoração aos 20 anos do programa, marco infanto-juvenil da TV brasileira, aconteceu entre julho de 2014 e janeiro de 2015 e recebeu por volta de 410 mil pessoas, recorde absoluto de visitação no espaço.

HORÁRIOS e LOCAL

12/02/15 a 05/04/15 – R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia) – Terças-feiras: entrada gratuita
TERÇAS a SEXTAS das 12h às 21h
SÁBADOS das 10h às 21h
DOMINGOS e FERIADOS das 11h às 20h
MIS – Av. Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo – (11) 55 2117-4777
Link: http://www.mis-sp.org.br/icox/icox.php?mdl=mis&op=programacao_interna&id_event=1808